Google Glass: ecrã incorporado no campo de visão

Óculos com tecnologia de realidade aumentada.

Credits

Google Glass

Categorias

Gadgets

google glass

O Google Glass é bem mais que um gadget. Este projeto da Google que se encontra em desenvolvimento, consiste num par de óculos ligados à Internet com tecnologia de realidade aumentada.

O Google Glass é um dispositivo semelhante a um par de óculos, que fixado num dos olhos, disponibiliza um pequeno ecrã acima do campo de visão.

Nesse pequeno ecrã, que funciona como a superfície de um tablet, podemos visualizar mapas, previsões meteorológicas, ouvir música, e tirar fotos e vídeos, entre outras funcionalidades a que já temos acesso nos nossos smrtphones e tablets.

A novidade está mesmo em termos tudo isso acessível no nosso campo de visão, ou melhor, numa área relativamente limítrofe do mesmo, para não perturbar demasiado o que realmente se nos apresenta pela frente.

Parece complicado e se calhar, cansativo, mas os mentores do projeto sustentam que o gadget possui uma tecnologia de focagem que permite ao observador ler o conteúdo do ecrã sem sequer ter que alterar o foco de visão.

Algo que a verificar-se garante efetivamente algum conforto na sua utilização.

Com o Glass é possível ainda realizar chamadas de vídeo exibindo o nosso campo de visão e como referi, tirar fotografias partilháveis de imediatamente pela Internet.

O projeto já tem alguma idade, data pelo menos de 2006 e só este ano saiu do anonimato.

Para já só alguns privilegiados podem contar com um, precisamente aqueles que estão a colaborar no seu desenvolvimento.

Entre o lote de favorecidos, está um grupo de cirurgiões de medicina dentária que logo tratou de dar ao aparelho uma utilização muito salutar – transmitiram uma cirurgia em tempo real.

Se o Google Glass lhe parece agradar tanto como a mim, saiba que será difícil tê-lo no sapatinho para o Natal, pois só deve chegar às lojas nos EUA mesmo nos últimos dias do ano.

Preço? Não faço nem li de ninguém que fizesse qualquer ideia sobre o preço deste gadget futurista que desde a sua saída do anonimato já viu nascer dois potenciais concorrentes, dando provas que esta tecnologia se poderá generalizar e massificar nos próximos tempos.

Veja o vídeo para ter uma noção do tipo de interatividade que o Glass permite.